01-lei_seca_maiorQuem for pego pela Operação Lei Seca dirigindo alcoolizado ou se recusar a fazer o teste do bafômetro, a partir do dia 1º de novembro, pagará uma multa muito superior ao valor cobrado atualmente, que é de R$ 1.915. Devido a  mudanças na legislação de trânsito, o valor subirá para R$ 2.934,70 e o motorista ainda terá a carteira de habilitação suspensa pelo prazo de 12 meses.

O motorista que falar ao celular enquanto dirige também será penalizado com mais rigor: de infração média (multa de R$ 85,13) para gravíssima (R$ 191,54). E quem estacionar indevidamente em vaga de idoso ou deficiente perderá sete pontos na carteira.

De acordo com o coordenador da Lei Seca, tenente-coronel da Polícia Militar, Marco Andrade, para que o trânsito seja humanizado, é necessário a contribuição de todos. Existe o esforço legal de tentar inibir as transgressões através das penalizações. A multa é para chamar a atenção. “O grande objetivo é a reeducação, não temos prazer em multar”, explicou.

A Operação Lei Seca, iniciada em 2009, trouxe uma mudança para a realidade da segurança nas ruas e estradas do Estado do Rio. Segundo dados do Instituto de Segurança Pública (ISP) e do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), o número de mortes em 2009 foi de 59 por 100 mil veículos. No ano passado, ficou em 29 para cada 100 mil veículos, uma redução de aproximadamente 50%.

Segundo o coronel Marco Andrade, “quando começamos, há sete anos, 20% dos motoristas eram flagrados sob efeito do álcool. Hoje, este número caiu para 7%. Da mesma forma, esperamos um amadurecimento com relação ao uso do cinto de segurança no banco de trás, com a não utilização do celular ao volante e o respeito às regras de velocidade. Precisamos que a sociedade compre essa ideia”, afirmou.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), o Brasil é o quarto país do mundo com o maior número de mortes em acidentes de trânsito por ano. O país tenta cumprir uma meta estipulada pela Organização das Nações Unidas (ONU): uma redução em 50%, no período 2011-2020, de casos fatais em acidentes viários.

 

Fonte: Agência Brasil

 

Na manhã desta terça, 11, dezenas de vaqueiros promoveram ato em São José do Egito contra a proibição da vaquejada. Em 11 estados e no Distrito Federal aconteceram movimentos semelhantes contra a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que pode tornar a vaquejada ilegal em todo o país. Na semana passada o STF derrubou uma lei no Ceará que legalizava o esporte.

Após cavalgarem por diversas vias tiveram a Wafredo Siqueira (Rua da Baixa) como base para diversos pronunciamentos.

A vaquejada é uma atividade recreativa-competitiva com características de esporte do Nordeste brasileiro, no qual dois vaqueiros a cavalo têm de alinhar o animal (boi) até emparelhá-lo entre os cavalos e conduzi-lo ao objetivo (duas últimas faixas de cal do parque de vaquejada), onde o animal deve ser derrubado.

rotary-club-sje-posse-de-tarcizio-leite-2016O Rotary Club de São José do Egito promove nesta quarta, 12, evento em comemoração ao Dia das Crianças. A ação irá beneficiar 50 garotos que participam do projeto “Gol Legal”, implantado há vários anos pela instituição.

Na sede da entidade os rotarianos estarão reunidos a partir das 8h com membros do Interact e Rotaract – clubes patrocinados pelo Rotary – quando recepcionarão as 50 crianças. No primeiro momento serão preenchidas fichas de cadastro ao projeto.

rotary-club-sje-projeto-gol-legalHaverá, na sequência, esclarecimento sobre as regras para se participar do “Gol Legal”, entre elas o atesto de frequência escolar, boas notas e comportamento adequado nas escolas.

O Interact deve promover dinâmicas, brincadeiras e exibir um filme. Ao termino das atividades será servido um lanche e cada criança receberá um brinde.

Mais informações sobre o Rotary Club SJE: www.rotarysje.com

cropped-logo_net.jpg

A partir desta data, que é para muitos especial (Dia de Nossa Senhora – padroeira do Brasil – e das Crianças), estamos lançando este blog de informação em São José do Egito.

O endereço já é conhecido por muita gente, pois passou vários anos na ativa e divulgou centenas de eventos. Hoje ele inicia um projeto de mídias digitais que investirá em quatro portais, entre os quais o Saojosedoegito.Com – o mais antigo site do Pajeú, que será bem amplo e abrirá espaço para grandes coberturas.

Não divulgaremos apenas notícias do Berço Imortal da Poesia. O que for julgado por nossa equipe como interessante para nossos internautas certamente será postado.

Além das notícias do cotidiano nosso blog chega com colunas interessantes, vídeos, fotos exclusivas, entrevistas e interação com o público.

Todo seguidor poderá colaborar. Em nossa página de contato detalhamos como se pode falar com a gente. Seja um repórter do blog enviando conteúdo. Viu algo interessante? Faça foto ou vídeo e nos envie. Conte a sua história!

Vamos iniciar este trabalho fazendo uma homenagem à Capital da Poesia. A seguir, estamos postando o vídeo “São José do Egito nos Anos 60”. Muita gente que viu ou quem ainda não o conhece irá se emocionar. Imagens de quem fez e de quem faz a história do nosso povo. Populares, políticos, profissionais, etc. E ainda com passagens em Tuparetama e Itapetim.

Muito obrigado, colabore e compartilhe!!