campina-grande-paraiba

Levantamento divulgado pelo Instituto Nacional do Semiárido (Insa) apontou Campina Grande (PB) e Mossoró (RN) empatadas como municípios com melhor Índice de Desenvolvimento Humano no semiárido. Campina e o município potiguar atingiram média 0,720. Quanto mais próximo de 1 for o índice, melhor é o resultado.

 

O estudo mostrou ainda que Campina Grande ocupa a segunda colocação no ranking de municípios mais populosos do Semiárido, com 385.213 habitantes, perdendo apenas para Feira de Santana, na Bahia, que tem 556.642 moradores.

 

O levantamento também divulgou gráficos referentes ao sistema de coleta de lixo e esgotamento sanitário. Confira mais informações neste link

 

O Semiárido brasileiro se estende por oito estados do Nordeste (Alagoas, Bahia, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe) mais o Norte de Minas Gerais.

 

floresta_amazonica

Cientistas que estudam há mais de 25 anos a formação das nuvens na Amazônia sempre se depararam com um mistério: as gotículas de água produzidas pela floresta são insuficientes para provocar as tempestades, que são constantes na região. De onde vinha o resto?

Segundo estudo publicado nesta segunda-feira (24) na revista Nature, a resposta é surpreendente: as gotículas vêm do céu, de grandes altitudes.

Os aerossóis (nanopartículas) que estão na atmosfera a cerca de 15 mil metros de altitude (faixa por onde voam os aviões comerciais) se somam às partículas vindas das árvores e alimentam as nuvens da região amazônica.

Os cientistas já sabiam da existência dos aerossóis em grandes altitudes e que eles eram removidos pela chuva. Faltava entender como a atmosfera restabelecia a concentração de aerossóis rapidamente. O que descobriram foi de onde eles vêm e como ajudam a “fazer chover”.

Partículas que sobem e descem

Os gases emitidos pelas árvores da floresta são levados da superfície para a alta atmosfera pelo movimento vertical de massas de ar. No alto, onde a temperatura é de cerca de -55°C, eles se condensam e formam os aerossóis.

Essas nanopartículas são retiradas da alta atmosfera pelas correntes descendentes de nuvens de chuva e se combinam com os gases das árvores que estão vindo em correntes ascendentes.

Neste encontro, as partículas crescem rapidamente e formam gotículas e nuvens. As correntes de convecção dão início à chuva.

 

 

Fonte: Uol

Foto: wikimedia.org

rotarymbs_rgb

Na ETE – Escola Técnica Estadual Célia Siqueira, em São José do Egito, temos os cursos Técnicos de Administração e Meio ambiente.

Em setembro de 2016 o Rotary Club de São José do Egito, através de seu Presidente, Tarcízio Leite, fez palestra nesta escola sobre o Tema Gestão Pública – Educando para Cidadania.

Nesta oportunidade firmamos compromisso com a Escola para oferecer Estágio para os alunos do curso Técnico em Administração.

Encaminhamos a CDL – Câmara de Dirigentes Lojistas de São José do Egito, ofício solicitando participar da parceria para o estágio.

Como os alunos estudam em horário integral, sugerimos à escola que o Rotary oferece treinamento para os alunos sobre o MEI – MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL – capacitando-os à constituição da empresa e orientação para o Microempreendedor Individual.

A ideia é que os alunos aos sábados façam o atendimento na sede da CDL – Câmara de Dirigentes Lojistas – onde receberam a demanda e durante a semana irão executar o trabalho acompanhados por profissionais da Escola Técnica e do Rotary e no sábado seguinte, de volta ao atendimento na CDL, entreguem os documentos da empresa constituída, prontos para que ela possa funcionar.

Os alunos terão no site do Rotary, uma página, onde no link Serviços (www.rotarysje.com/servicos) recebem toda orientação para atendimento ao Microempreendedor Individual.

Este trabalho terá início ainda neste mês de outubro proporcionando ao pequeno empreendedor a oportunidade de se legalizar e receber orientação, e ao aluno do curso Técnico em Administração a oportunidade de se capacitar para o mercado de trabalho.

Isto é “Rotary a Serviço da Humanidade”.

 

Texto: Tarcízio Leite

 

Os céus do Brasil foram iluminados neste domingo (16) pela primeira superlua de uma sequência de três que ocorrerão neste fim de ano. O fenômeno ocorre quando a Lua cheia coincide com o período de maior proximidade com a Terra, o chamado perigeu. Por isso ela aparecerá maior do que estamos acostumados.

A superlua é considerada um fenômeno comum – tanto é que teremos três seguidas neste fim de ano.

O tamanho e o brilho do evento, que ocorre em média seis vezes por ano (também em luas novas), são variáveis.

A superlua foi clicada em São José do Egito pela jornalista Nádia Géorgia. Confira abaixo a foto!

superlua-foto-de-nadia-georgia-sje-16-de-outubro-de-2016-edicao

carlos-cordeiro-engenheiro-pernambucano-e-escolhido-inventor-do-ano-pela-intelEntre os mais de 95 mil funcionários da Intel – a maior empresa do mundo no setor de semicondutores – um pernambucano de 40 anos ganhou o maior destaque. Carlos Cordeiro, engenheiro chefe e diretor da companhia na área de comunicação wi-fi foi escolhido, em cerimônia interna realizada em setembro no Dolby Theatre, em Los Angeles, o prêmio de Inventor do Ano das mãos do próprio CEO da empresa, Brian Krzanich.

Ou seja, se o Dolby Theatre é o lugar onde acontece a entrega dos prêmios da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood (o popular “Oscar”), e Carlos recebeu o último troféu da noite, das mãos do chefão da empresa, quer dizer que ele ganhou o Oscar de Melhor Filme? “Dá para colocar dessa maneira, sim”, brinca o engenheiro pernambucano.

Mas, ao invés de produzir um longa metragem, Carlos produziu conhecimento. Liderando o time de pesquisa e desenvolvimento na área de comunicação sem fio, ele registrou mais de 200 patentes para a Intel, sendo 65 só no ano passado – e 15 delas consideradas fundamentais, que podem ser utilizadas de modo mais abrangente – fora outras 400 patentes que estão esperando aprovação.

“Uma grande parte do que a gente faz é evoluir a tecnologia, criar novos produtos. Muito provavelmente, o wi-fi que você está usando agora, no seu computador ou smartphone, tem algum elemento que eu desenvolvi aqui. Agora, estou trabalhando no wi-fi que você vai usar daqui a cinco anos. Estamos sempre na ponta da pesquisa”, explica Carlos, que trabalha na Intel há 10 anos, depois de ter passado também pela Phillips e pela IBM.

Foi essa proficiência no desenvolvimento de ideias que rendeu ao pernambucano a premiação. “Já tinha recebido outras gratificações da empresa, mas nunca nesse porte”, reconhece Carlos. Formado em Ciências da Computação pela Universidade Federal de Pernambuco (onde também fez um mestrado), o engenheiro mora nos Estados Unidos desde 2001, quando foi convidado para trabalhar na IBM. “Minha formação na UFPE foi extremamente relevante na minha carreira. Na minha época, como hoje, é um curso de ponta, que além da formação teórica incentiva os alunos a buscar conhecimento e se aprimorarem”, lembra.

 

Fonte: MundoBit

horario-de-veraoNo primeiro minuto do próximo domingo, dia 16 de outubro, o relógio deve ser adiantado em uma hora nos Estados das Regiões, Sul, Sudeste e Centro-Oeste. O objetivo da medida, adotada no Brasil desde 1931, é proporcionar economia de energia, com menor consumo no horário de pico (entre as 18h e as 21h), pelo aproveitamento maior da luminosidade natural.

Os Estados do Norte e Nordeste não entram no horário de verão, mas mexe com a rotina de muita gente. É que os bancos irão abrir uma hora mais cedo. Em São José do Egito o atendimento ao público será das 9h às 14h.

De acordo com o Ministério de Minas e Energia, a mudança prevê fins lucrativos de 147 milhões e meio de reais para o sistema elétrico. O horário de verão vai até o dia 19 de fevereiro do ano de 2017.

 

01-lei_seca_maiorQuem for pego pela Operação Lei Seca dirigindo alcoolizado ou se recusar a fazer o teste do bafômetro, a partir do dia 1º de novembro, pagará uma multa muito superior ao valor cobrado atualmente, que é de R$ 1.915. Devido a  mudanças na legislação de trânsito, o valor subirá para R$ 2.934,70 e o motorista ainda terá a carteira de habilitação suspensa pelo prazo de 12 meses.

O motorista que falar ao celular enquanto dirige também será penalizado com mais rigor: de infração média (multa de R$ 85,13) para gravíssima (R$ 191,54). E quem estacionar indevidamente em vaga de idoso ou deficiente perderá sete pontos na carteira.

De acordo com o coordenador da Lei Seca, tenente-coronel da Polícia Militar, Marco Andrade, para que o trânsito seja humanizado, é necessário a contribuição de todos. Existe o esforço legal de tentar inibir as transgressões através das penalizações. A multa é para chamar a atenção. “O grande objetivo é a reeducação, não temos prazer em multar”, explicou.

A Operação Lei Seca, iniciada em 2009, trouxe uma mudança para a realidade da segurança nas ruas e estradas do Estado do Rio. Segundo dados do Instituto de Segurança Pública (ISP) e do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), o número de mortes em 2009 foi de 59 por 100 mil veículos. No ano passado, ficou em 29 para cada 100 mil veículos, uma redução de aproximadamente 50%.

Segundo o coronel Marco Andrade, “quando começamos, há sete anos, 20% dos motoristas eram flagrados sob efeito do álcool. Hoje, este número caiu para 7%. Da mesma forma, esperamos um amadurecimento com relação ao uso do cinto de segurança no banco de trás, com a não utilização do celular ao volante e o respeito às regras de velocidade. Precisamos que a sociedade compre essa ideia”, afirmou.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), o Brasil é o quarto país do mundo com o maior número de mortes em acidentes de trânsito por ano. O país tenta cumprir uma meta estipulada pela Organização das Nações Unidas (ONU): uma redução em 50%, no período 2011-2020, de casos fatais em acidentes viários.

 

Fonte: Agência Brasil