Foto: Reprodução/Nill Júnior

Foto: Reprodução/Nill Júnior

A Companhia Pernambucana de Saneamento –COMPESA – comunica a População em geral que desde o dia 17° deste mês, está com o sistema da Adutora do Pajeú parado devido a um estouramento entre a Estação Elevatória 03 e 04.

Com isso, está paralisado o abastecimento nas cidades de Afogados da Ingazeira, Carnaiba, Quixaba, Tuparetama e Distrito de Jabitacá. Também há redução da vazão de São José do Egito.  Em Tabira o sistema parou ontem, porém hoje está funcionando.

“Por tal motivo ficará com o abastecimento suspenso não tendo ainda previsão de retorno. Assim que o problema for resolvido volta a comunicar”.O comunicado é assinado por Eduardo José de Brito, Coordenador de Produção da GNR Alto Pajeú.

 

De Nill Júnior

A Compesa participou do seminário em Brasília. Foto: Compesa

A Compesa participou do seminário em Brasília. Foto: Compesa

No próximo mês de dezembro a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) inicia a primeira obra, de uma série de dez, para implantação de Sistemas Simplificados de Abastecimento de Água (SAA). O objetivo é beneficiar 66 comunidades rurais do Sertão a partir da Transposição dos Eixos Norte e Leste do Rio São Francisco.

Os empreendimentos são estratégicos para garantir a universalização e a sustentabilidade hídrica dessas localidades. O primeiro SAA que será construído vai atender 5 mil pessoas. É o de Conceição das Crioulas, no município de Salgueiro.

A Compesa, com o propósito de trazer melhorias para a gestão desses dez sistemas de abastecimento de água, participou em Brasília do Seminário “Rumo à sustentabilidade dos serviços de água rural – modelos de gestão e ferramentas para planejamento”. O evento foi promovido pelo Banco Mundial e apresentou diversos modelos de gestão dos sistemas de abastecimento de água rural documentados no Brasil e no mundo, com foco na sustentabilidade.