Prato de Papa (PSB) obteve 467 votos nas eleições de 02 de outubro passado. Foto: Saojosedoegito.Net

Prato de Papa (PSB) obteve 467 votos nas eleições de 02 de outubro passado. Foto: Saojosedoegito.Net

A prefeitura de São José do Egito encaminhou à Câmara de Vereadores ofício convidando o parlamentar José Ferreira Neto – Jota (PSB) a assumir o cargo de ouvidor geral do município. Desta forma Jota deve se licenciar do cargo eletivo na próxima sessão ordinária, sábado (27), quando o pedido deve ser homologado em plenário.

O suplente Rildo Fernando – Prato de Papa (PSB) assume a vaga e vai a partir desse momento iniciar seu trabalho legislativo mais uma vez na Câmara, tendo em vista que em outras oportunidades, durante a legislatura 2009-2012, teve durante alguns meses, também como suplente, o direito de ocupar assento na Casa do Povo em substituição a outros que se afastaram temporariamente.

Com a nomeação de Jota ao cargo de ouvidor, esse é o segundo vereador que deixa a Câmara e aceita convite do prefeito Evandro Valadares para atuar no Executivo. O primeiro foi Flávio Jucá (PSB) que ocupa hoje o cargo de coordenador geral de Saúde e abriu espaço para que o suplente professor Claudevan Filho (Rede) marcasse presença no parlamento egipciense.

Dentro das especulações políticas já se dá por certo o convite para que outro vereador da base da situação – possivelmente Rogaciano Jorge (PSB) – assuma cargo na prefeitura. Caso isso realmente aconteça o ex-presidente da Câmara SJE e atual suplente Maurício do São João é quem deve retornar ao Poder Legislativo.