horario-de-veraoNo primeiro minuto do próximo domingo, dia 16 de outubro, o relógio deve ser adiantado em uma hora nos Estados das Regiões, Sul, Sudeste e Centro-Oeste. O objetivo da medida, adotada no Brasil desde 1931, é proporcionar economia de energia, com menor consumo no horário de pico (entre as 18h e as 21h), pelo aproveitamento maior da luminosidade natural.

Os Estados do Norte e Nordeste não entram no horário de verão, mas mexe com a rotina de muita gente. É que os bancos irão abrir uma hora mais cedo. Em São José do Egito o atendimento ao público será das 9h às 14h.

De acordo com o Ministério de Minas e Energia, a mudança prevê fins lucrativos de 147 milhões e meio de reais para o sistema elétrico. O horário de verão vai até o dia 19 de fevereiro do ano de 2017.

 

Passadas as eleições de 02 de outubro e resultados homologados pela Justiça Eleitoral, além das comemorações – que continuam em todos os municípios – o que mais se comenta em São José do Egito é quem será o presidente da Câmara para o biênio 2017-2018.

A atual situação, a partir do ano que vem oposição, fez a maioria no Poder Legislativo. Dos 13 assentos, o grupo do prefeito Dr. Romério e do ex-deputado José Marcos de Lima conseguiu 7. O grupo do próximo gestor, Evandro Valadares, terá 6.

As especulações já estão nas rodas de debates políticos. É sabido que os dois grupos já discutem com os parlamentares eleitos as possibilidades de se eleger o próximo presidente.

Conversas de bastidores ecoam dizendo que o grupo de Valadares sonda vereadores da atual situação; se deseja conquistar um voto. Outros bochichos atestam que os 7 parlamentares que formarão a próxima oposição estão se mostrando unidos para que um deles, de consenso, seja eleito presidente da Casa de Todos os Egipcienses.

vereadores-de-oposicao-a-partir-de-2017-um-deles-pode-ser-o-proximo-presidente-da-camara-sje-arte-02

X

vereadores-de-situacao-a-partir-de-2017

Evidentemente que quem sai na vantagem (7 x 6), neste momento, é o grupo que será oposição a partir do ano que vem. Caso se consolide a afirmação que o “denominador comum” será divulgado em breve, mesmo não obtendo êxito na majoritária a atual situação se tornará uma oposição mais robusta, com mais força graças à presidência da casa legislativa.

É de se lembrar que na eleição passada o grupo de Evandro perdeu o pleito mas fez a maioria na Câmara, que se manteve unida e elegeu o vereador Maurício Mendes como presidente daquele poder.

Ainda falta um bom tempo. Muitas conversas serão travadas. Nos bastidores da política egipciense já há quem faça suas apostas.