Neste sábado (24) o prefeito de São José do Egito Romério Guimarães (PT) participou de entrevista na Gazeta FM. O programa foi conduzido pelo jornalista Geraldo Palmeira Filho, dos quadros da Cultura AM, convidado pela gerência da 95,3 MHz.

O gestor elencou o que foi feito através das principais pastas. Focou-se, principalmente, em abordar os investimentos em educação e saúde, embora tenha apresentado relação de obras e serviços desenvolvidos no seu governo.

Guimarães comentou sobre as diversas inaugurações que vêm empreendendo neste final de mandato e disse que até o último dia vai continuar trabalhando e inaugurando mais obras.

No campo político disse que fará oposição de forma propositiva; que estará atento às promessas que foram feitas durante a campanha pelo grupo que irá assumir a prefeitura, principalmente no tocante à vinda de UPA e faculdade para São José do Egito.

Romério disse que vai tirar licença-prêmio por seis meses e depois voltará a dar seus plantões no Hospital Maria Rafael de Siqueira, onde é servidor concursado.

Ao final agradeceu ao povo de São José do Egito, à sua equipe de governo e ao grupo formado por vários partidos políticos ao qual faz parte.

Confira no vídeo o final da entrevista:

Em entrevista nesta sexta-feira (16) ao jornalista Geraldo Palmeira Filho na Rádio Cultura AM, o prefeito de São José do Egito Romério Guimarães (PT) fez um balanço do seu governo e falou sobre seu futuro na política egipciense.

Durante quase uma hora o petista destacou os avanços obtidos pelo município no campo da educação, relatou sobre os investimentos em saúde e classificou sua gestão como operante.

Guimarães em vários momentos teceu comparações entre os últimos dias do seu mandato com os do seu antecessor Evandro Valadares, o mesmo que irá substituí-lo em 1º de janeiro de 2017. De acordo com o prefeito, há quatro anos não houve praticamente atos de transição porque a gestão da época não sinalizou interesse no repasse de informações. Romério relatou que, na educação, por exemplo, “não havia na secretaria nem papel ofício para se iniciar o trabalho e não deixaram nem os nomes dos professores efetivos arquivados”.

Perguntado se um dos problemas de sua administração foi a saúde pública, o gestor enfatizou que essa é uma área complexa mas que investiu pesado, primeiro com a aquisição do prédio da antiga Clipsi junto ao Governo do Estado, depois na contratação de médicos e, agora, mesmo em final de mandato, equipando todo o Hospital Maria Rafael de Siqueira. Romério disse: “Já compramos quase um milhão de reais em equipamentos para o hospital e estamos licitando outro recurso oriundo de emendas parlamentares”. Segundo Guimarães “o próximo prefeito não terá desculpas a dar se não fizer uma boa gestão hospitalar, pois a unidade vai ficar super equipada com o que há de melhor”.

Na conversa ele adiantou que voltará a atender no Maria Rafael de Siqueira, já que é médico efetivo dos quadros do hospital. “Tenho direito a licença-prêmio, então vou analisar se o momento para retirá-la será em janeiro ou após, entretanto, reafirmo que não vou pedir transferência para nenhum outro lugar; vou continuar trabalhando em São José do Egito, dando os meus plantões como sempre fiz”.

O prefeito destacou as várias inaugurações que a prefeitura está promovendo neste final de mandato dando ênfase às próximas: Emei Diva de Siqueira Vasconcelos – no bairro Planalto e cobertura da quadra da Escola Municipal Helena Maria – no distrito Riacho do Meio, ambas no dia 23. Disse ainda que também vai inaugurar o novo cemitério público em dada a ser definida.

Questionado se pensa em candidatar-se novamente a algum cargo eletivo, Guimarães foi sutil e disse que o momento ainda é cedo para especulações dessa natureza, mas deixou nas entrelinhas a frase: “No meu vocabulário não existe a palavra adeus, existe a expressão até breve!”

Confira, em vídeo, a parte final da entrevista com o prefeito Romério Guimarães:

Conversando com o Saojosedoegito.Net neste último final de semana, o vereador reeleito Tadeu Gomes (PTB) disse que já há praticamente uma escolha de consenso em torno do nome da futura oposição (grupo de Zé Marcos e Romério Guimarães) para concorrer à presidência da Câmara de Vereadores de São José do Egito. O provável escolhido não foi revelado.

Na conversa Gomes também fala sobre um plano B. Ele afirmou que caso haja alguma traição de dentro do próprio grupo, fazendo referência a algum que resolva mudar de opinião e votar em candidato apontado pelo prefeito eleito Evandro Valadares, os demais devem escolher outro nome, mesmo que seja um da futura situação, mas que tenha alguma afinidade com o conjunto.

Caso isso aconteça, a próxima oposição perderia também o controle do Legislativo, mas não deixaria o candidato escolhido por Valadares ser o presidente.

De acordo com o resultado das urnas, a futura oposição terá sete vereadores e a situação seis. Tadeu Gomes foi reeleito para seu segundo mandato com 1.203 votos.

Confira as declarações de Tadeu do Hospital no vídeo a seguir:

A Escola Municipal Baraúnas foi homenageada nesta sexta-feira (02 de dezembro de 2016) em sessão solene na Câmara de Vereadores de São José do Egito. O Saojosedoegito.Net conversou com o vereador Albérico Tiago (PR), com o prefeito Romério Guimarães (PT) e também com a diretora de Baraúnas, Elaine de França. A escola tem conquistado diversos prêmios importantes, entre eles o de Melhor Gestão Escolar de Pernambuco.